sábado, 31 de agosto de 2013

Substancias Tóxicas - Você conhece ?



Amores e amoras, como alguns já sabem voltei a estudar, um antigo sonho interrompido por um bem maior que era o de ser mãe, estou cursando Técnico em Segurança do Trabalho, e achei super interessante esse tópico, e vim dividir com vocês, qualquer duvida deixe um comentário.


Substâncias tóxicas mais comuns


Amanita phalloides um dos mais tóxicos fungos conhecidos
Sementes de Mamona (Ricinus comunis), essa parte da planta apresenta elevado grau de toxicidade 
Frutos de Beladona (Atropa belladonna). A Ingestão de 5 desses pequenos frutos pode levar a óbito uma pessoa adulta
Aldicarb utilizado ilegalmente para fabricação de rodenticida
A soda cáustica é um dos produtos de uso doméstico mais perigososProdutos de uso doméstico
Acetona
Água sanitária
Álcool
Amônia
Anticongelante (usado nos radiadores dos automóveis)
Anti-séptico bucal
Naftalina
Cloro
Colas
Desodorantes
Detergentes
Esmalte de unha
Éter
Flúor na ingestão de cremes dentais.
Gasolina
Herbicidas
Inseticidas
Limpadores de vasos sanitários
Líquidos de limpeza
Perfumes
Pesticidas
Querosene
Raticida
Soda cáustica
Solventes de tinta
Terebentina
Tintas
Vernizes
Produtos alimentares
Alimentos vencidos e/ou contaminados (intoxicação alimentar)
Bebidas alcoólicas
Cogumelos (Algumas espécies)
Noz moscada
Pimentas (em grandes quantidades)
Plantas
Aroeira
Beladona
Buchinha
Canabis
Comigo-ninguém-pode
Coroa de cristo
Dedaleira
Erva-moura inglesa
Mamona (Rícino)
Mandioca Brava
Moscadeira
Palmeira cica
Poinsétia
Urtiga
Substâncias químicas industriais e poluentes
Ácido sulfúrico
Arsênico
Benzeno
Cianeto
Chumbo
Enxofre
Estricnina
Flúor no ácido hidroflúorsilicico Poluente ambiental
Hidróxido de sódio
Lixívia
Manganês
Mercúrio
Metais Pesados
Metanol
Monóxido de Carbono
Nafta
Organoclorados
Ozônio
Tolueno
Drogas e Medicamentos
Qualquer droga ou medicamento, se ingerido em grande quantidade, é potencialmente tóxico.
Venenos de insetos, aracnídeos e animais peçonhentos em geral
Toxinas produzidas por alguns fungos, bactérias, algas e animais

Nenhum comentário:

Postar um comentário